domingo, 17 de dezembro de 2017

sobras de bolonhesa







acordas num domingo, deitas numa taça ou bacia, no meu caso, farinha, fermento padeiro seco (na proporção de um quilo para um pacote de 15 grs, mais ou menos. tudo mais ou menos) e azeite a olho (eu deito sempre muito azeite), amassas tudo com água morna até despegar da mão e deixas a descansar na dita bacia ou taça, durante pelo menos duas horas, mas podem ser mais. por exemplo vais caminhar ou tomar café e deixas isso a descansar. (coze ovos)
aqueces o forno, pincelas um tabuleiro com azeite, esticas a massa, colocas no tabuleiro, pincelas com azeite, polvilhas com alho seco e oregãos, e deitas as tais sobras de bolonhesa que já não davam para uma refeição. por cima da bolonhesa, queijo mozzarella, fiambre cortado com a tesoura e ovo cozido picado. se não quiseres isto, junta tudo o que te apetecer. 

e pronto. é daquelas coisas que são boas para quem come.

faz a mais para ficar para o lanche, jantar e ceia.

depois de lavares os tabuleiros, respira fundo e descansa. é domingo, dia de reconhecer o divino em tudo.